• Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado do Paraná

Notícias

16/04/2018

Secretário do Planejamento fala sobre o programa Bom Negócio Paraná

Programa Bom Negócio Paraná: A Construção de Uma Política Pública de Desenvolvimento foi tema da palestra proferida na tarde desta sexta-feira (13) pelo secretário do Planejamento e Coordenação Geral do Paraná, Juraci Barbosa Sobrinho, no V Congresso Latino-Americano da Micro e Pequena Empresa. O evento está sendo realizado no Centro de Eventos do Lizon Curitiba Hotel.

O secretário também preside o Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Paraná (Fopeme). Na palestra, ele abordou os vários indicadores positivos atuais do Estado. Entre eles, a elevação do PIB do Paraná na economia brasileira e a renda per capita do Estado acima da média nacional. No ano passado, o Paraná superou o Brasil em 16,3%.

Barbosa Sobrinho também citou a diminuição da diferença salarial entre homens e mulheres. Em 2012, o salário médio das mulheres correspondia a 67,9% ao dos homens. Em 2016, esse número já havia saltado para 73,5%.

“Estes indicadores confirmam a redução da desigualdade social, conquistada nos últimos anos no Paraná”, afirmou. Segundo o secretário, o Programa Bom Negócio Paraná é uma das importantes ferramentas da política pública de desenvolvimento, consolidada na atual gestão do governo do Estado.

A abertura do Congresso, na noite de quinta-feira (12), foi feita pelo secretário do Desenvolvimento Urbano, Silvio Barros, que também responde interinamente pela chefia da Casa Civil do Paraná. No evento, ele representou a governadora Cida Borghetti.

 

335 municípios beneficiados -

O Programa Bom Negócio Paraná teve sua origem do programa homônimo

Bom Negócio de Curitiba, desenvolvido pela prefeitura de Curitiba no ano de 2005, gestão do então prefeito Beto Richa, e conduzido pela Agência Curitiba de Desenvolvimento S/A.

Premiado pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), órgão ligado ao Ministério da Ciência e Tecnologia, o Programa foi posicionado como um dos cinco melhores projetos de desenvolvimento econômico da América do Sul no 10º Fórum Interamericano da Microempresa, do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). 

A partir de 2011, o Governo do Estado adotou a metodologia e expandiu o Programa para todo o Paraná. Desde então, com um investimento de R$ 13,6 milhões, o Programa realizou 27,5 mil capacitações em 335 municípios paranaenses.

 

Objetivo

O Programa tem como objetivo promover o desenvolvimento econômico local dos municípios do Paraná, através da capacitação, consultoria e acompanhamento de empreendedores, fortalecendo as iniciativas que possam resultar na sustentabilidade das empresas e na geração de novos negócios.

Está voltado prioritariamente às micros e pequenas empresas dos setores industrial, comercial e de serviços, induzindo a geração de empregos e renda e melhorando a qualidade de vida da população. É viabilizado por meio de parcerias com instituições de ensino, agentes ligados ao desenvolvimento empresarial, órgãos e instituições de caráter público e/ou privado.

 

Congresso internacional -

O V Congresso Latino-Americano da Micro e Pequena Empresa foi realizado em Curitiba nesta quinta e sexta-feira (12 e 13). O evento é organizado pela Confederação Nacional da Micro e Pequena Empresa (Conampe) e Federação das Associações de Micro e Pequenas Empresas do Paraná (Fampepar) e tem o apoio institucional do Sebrae. 

O Congresso contou com ampla programação: paineis de debates, variadas palestras e atividades abrangendo temas de grande importância para os empreendedores dos negócios locais, das micro e pequenas empresas. O segmento responde por fatias importantes dos PIBs dos países latino-americanos e emprega milhões de trabalhadores.

Entre outros palestrantes de destaque estavam: Jairo de Paula; o secretário Especial da Micro e Pequena Empresa do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (SEMPE), José Ricardo da Veiga, e o empreendedor serial Allan Costa.

Fonte: SEPL

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.